Café com Chai

Observações de uma brasileira sobre a cultura indiana.

segunda-feira, 17 de março de 2014

Coisas que Ninguém diz - Parte 2


A Sogra

"Ahhh que lindo! Na cultura do meu marido eu devo chamar minha sogra de mãe!"
"Ahhh  que fofo! Agora eu sou considerada filha!!!"

Quem nunca ouviu isso de alguma brasileira casada com indiano ou algum homem de cultura oriental? 
Parece tão bonitinho, tão família...sim..o status de mãe dará a ela direitos de mãe: decidir por você porque você é a menininha inocente que não sabe tomar decisões sozinha (apesar de minha mãe nunca ter decidido nada por mim), reclamar, cobrar, exigir que as coisas sejam feitas de acordo com as regras da casa, etc etc.
E não se engane, o status de filha te dá deveres de filha, óbvio: no mínimo respeitar os mais velhos da casa e ser obediente.

Pouca gente pensa desse jeito. Tem gente que acha fofo, lindo, bonitinho chamar a sogra de mãe e se ilude achando que tudo vai ser lindo. Tem gente que também cria uma imagem tão péssima da sogra que já a julga antes de conhecê-la melhor. Eu também chamo minha sogra de Mommy e meu sogro (que Deus o tenha) de Papa (especificamente mamãe e papai).

Mas uma coisa aprendi: quando o assunto é sogra nem sempre é tudo o que dizem aqui no Brasil. Na Índia há uma ideia diferente em relação aos sogros, ninguém faz piada de sogra, inclusive é uma falta de respeito terrível alguém fazer piadas a respeito dela. Claro que existe, principalmente na internet mas pessoalmente você não escuta nenhum desabafo em forma de piada e se você é mulher e gosta de fazer piada de sogra, é pior ainda, desse jeito nenhum indiano vai se arriscar a colocar você dentro de casa já que a esposa vai morar na casa dos sogros! rs

Se a sua sogra te enxerga como filha, vai te tratar como uma filha de 10 anos de idade, isso é fato.  Quando elas são boas e amorosas são uma jóia na vida da nora. Tratam a nora como uma princesa e mimam muito, não falta nada desde carinho a presentes. Outro dia escutei algo que me deixou perplexa: eu estava com um objeto que eu gostava muito e disse para meu marido "vou guardar isso para nossa futura filha, uma dia será dela". Meu marido virou para mim e perguntou: "por que você não guarda para sua futura nora? Na Índia aquilo que é da sogra vai para a nora, assim como a sogra de nossa filha também dará coisas para ela" Confesso que nunca pensei desse jeito. Nunca pensei que um dia eu poderei ter uma nora e por que não guardar algo para ela também? Me senti tão egoísta naquele momento..

Não tome como regra tudo o que dizem da sogra indiana. O problema que muitas pessoas enfrentam é cultural, mas quando a família é correta (não realizou um casamento com interesse em dote ou visto ou quando a família não teve nada contra o casamento) a sogra é tudo na vida da nora e vice-versa porque a sogra sabe que a nora  vai cuidar dela na velhice e é por isso que na cultura indiana a esposa vai para a casa dos sogros porque assim ela cuida dos pais do marido enquanto ele estiver fora trabalhando.

Mesmo assim são poucas as ocidentais que vão morar na Índia e com a família do marido. Você já parou pra pensar que quase todas elas vivem em casas ou apartamentos separados da família? Sim, porque não deve ser fácil principalmente quando temos manias e costumes diferentes dos deles. Não estou dizendo que toda sogra é ruim e isso e aquilo. Estou dizendo que morar junto com a família muitas vezes é complicado porque temos nossos próprios hábitos.
Image courtesy: © Thinkstockphotos/ Getty images

Por mais que a gente ame a família do marido ou ele ame a nossa não é fácil morar com todos na mesma casa. A maioria das brasileiras casadas no exterior vivem em casas separadas dos sogros e isso ajuda muito na relação. Hoje em dia muitos casais indianos estão optando por viver em suas próprias casas, em ter um espaço próprio, privacidade (thank's God!) apesar de ser considerado um  insulto para muitas famílias tradicionais.

 O maior problema no convívio entre noras e sogras é relacionado a privacidade, e nem sempre o problema é pessoal. Por exemplo, aqui no Brasil saímos a qualquer hora para ir no mercado, tomar um sorvete com as amigas, etc. Já com uma sogra indiana por perto você não vai mais sair sozinha pois ela será sua sombra e irá com você a todos os lugares. Isso na cabeça deles é proteção, companheirismo e mostra um bom relacionamento entre nora e sogra mas para a maioria de nós ocidentais isso parece falta de confiança, bisbilhotagem, falta de privacidade, acha que está indo junto só para vigiar, etc. Eu sou a favor de morar separado, mas ao mesmo tempo sinto muita falta desse cuidado e de ter minha sogra para me ensinar as coisas.

A visão que os indianos tem da sogra é totalmente diferente da visão que a maioria das pessoas aqui no Brasil tem. Lembro que no início meu marido ouviu muita gente falando mal, ouvia piadas, e várias coisas do gênero. Teve um homem que falou para meu marido que preferia ver a sogra em cima de uma cama fria, e dava risada. Ele ficou horrorizado, ficou sério e confuso ao mesmo tempo. Ele dizia para mim que não gostava disso, que era falta de respeito e perguntava porque as pessoas aqui "odiavam" suas sogras.  Foi aí que vi a diferença, o respeito que os indianos dão para a figura dos sogros. Primeiro, porque são mais velhos, depois porque tem a figura de pai e mãe (obviamente devemos respeitar nossos pais), terceiro, porque foram eles que nos acolheram.

Existem conflitos? Sim, claro, porque é difícil seguir as novas regras de uma casa totalmente diferente da casa dos nossos pais. Existe ciúme, cuidado excessivo como na maioria desses relacionamentos mas nem sempre a sogra é uma inimiga e se ela não for tão doce como um gulab jamum, você a conquista aos poucos! Vale mais a pena!

Image courtesy: © Thinkstock photos/ Getty Images

Beijos

12 comentários:

  1. Obrigado, Vou tentar enviar de novo o email. Tenho origem indiana apesar de a familia ser catolica mas tudo o que escreves eem relação ao nosso mode ser e natureza de ser proprio dos indainos é algo que é intrinseco na nossa natureza apesar de religião diferente dos hindus ou panjabis os valores ops laços culturaios, o respeito e as relações ficam semppre conosco. Estou aprender muito contigo. Obrigado paulo rodrigues portugal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz ao saber disso! Obrigada! Como voce disse, pode mudar o pais e a religiao mas os valores permanecem!

      Excluir
  2. cafecomchai@hotmail.com.br ou cafecomchai@hotmail.com
    para enviar basta um e mails para enviar? paulo rodrigues


    ResponderExcluir
  3. caso nao consiga receber envie para o meu e mail paulsun2002@yahoo.com ou paulsun2002@gmail.com para depois eu responder P.R

    ResponderExcluir
  4. Aguarde que lhe vou enviar. Acho que apesar de ser origem goesa acho que o norte da india acaba por ser mais tradicionalista que o sul da india porque a influencia colonial não foi tao marcante como o foi no sul da india Goa, damao diu, Bombaim. Ja la estive no punjab, no templo dourado, entre outros sitios chandigar, amristasr, dera etc ja visitei algumas zonas da india como goa ate ate mesmo no norte

    ResponderExcluir
  5. Caso tenha recebido os e mails informe caso contrario envie uma informação para o meu e mail paulsun2002@yahoo.com ou paulsun2002@gmail.com obrigado paulo rodrigues

    ResponderExcluir
  6. Vou aproveitar o espaço para deixar registrado aqui minha imensa gratidão pela sogra que Deus me deu, Realmente me trata como uma garotinha de 10 anos, e vive me mimando, porém, por melhor que ela seja, não conseguiria morar junto depois de termos saído das casas de nossos pais. Entretanto, se por alguma razão, ela precisar que cuide dela... farei isso com muito prazer.
    Legal sua publicação!
    Beijão

    ResponderExcluir
  7. Oi, Star!Faco minhas as palavras da Jacque!Minha sogra foi o pivo para que a familia me aceitasse (principalmente meu sogro). Foi ela que, apesar de nunca ter saido do vilarejo onde mora virou para mim e meu esposo (na epoca noivo) e disse: "Seja na India, no Brasil ou qualquer lugar do planeta. O importante eh que voces sejam felizes e estejam juntos.".
    Apesar de ainda termos a barreira do idioma, tem atos e gestos que dispensam palavras e sei que ela realmente abencoa a nossa relacao. Quando estiveram aqui nos visitando, tambem fui tratada como uma menininha. Eu nao queria que ela fizesse nada em casa. Queria apenas que descansasse e aprveitasse a cidade, mas ela queria cozinhar e ajudar, porque dizia que eu trabalhava fora e tinha que me alimentar direito. Mas, mesmo ela sendo otima, a melhor opcao eh morar separado. Acho que esta eh a chave da relacao, pois quando algum problema acontece entre voce e seu esposo, voces resolvem ali mesmo. Quando entram os sogros, ainda mais indianos, eles sao super dramaticos e pioram a situacao. Piada de sogra? Nem pensar!!!!Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Disseste tudo .... Cada um vê a sogra da sua maneira diferente..

    ResponderExcluir
  9. Apesar de minha sogra não vê a hora de me castigar com o meu divórcio, devido eu não ter proporcionado o que ela almejava no relacionamento com o seu filho "boêmio" e coitadinho... Considero a cultura oriental/indiana, a frente da nossa cultura quanto se trata de família... Por mais que possa haver discordância entre familiares desta cultura, dificilmente vamos encontrar uma criança ou idoso/idosa sem o amparo familiar, coisas que devido esta nossa " reconstrução/liberdade familiar", fica a desejar em nosso país, não é por menos que estamos constantemente em "guerra social"... Nesta nossa cultura familiar, já pensaram quem vai cuidar de nós quando estivermos idosos?... Ou vamos depender da sorte de ter alguém que nos "ama" ao nosso lado...

    ResponderExcluir