Café com Chai

Observações de uma brasileira sobre a cultura indiana.

sábado, 27 de setembro de 2014

Esqueça Caminho das Índias se...

Se você está pensando em se casar e morar lá . Antes de iniciar um relacionamento com indiano, esqueça que um dia você assistiu a novela Caminho das Índias! Pare de sonhar com ouro e mordomia.

Estou cansada de ver mulheres que não pensam duas vezes em dizer um "sim" para se casar com um indiano mas depois não aguentam o tranco.

Primeiro, não são todos os homens que são cafajestes ou que pensam em vir para seu maravilhoso Brasil.
Segundo, casamento com uma pessoa de diferente cultura muda totalmente a sua vida.
Terceiro, Índia não é novela. É um país com suas peculiaridades, suas qualidades, seus defeitos. 

Tem mulher que sai do Brasil e pensa que vai para a Índia arrastar o saree no mercado, cheia do ouro. Tem brasileira que acha chique colocar um véu na cabeça, acha fofo dizer namaste, e se sente culta ao praticar yoga.

Esqueça tudo isso, minha filha! Até estrangeiro que se muda para USA precisa lavar muito prato e limpar muito chão para ter uma vida melhor. Não é todo mundo que chega patrão. Tem que ralar muito. 

Por que estou dizendo essas coisas? Porque vi que existem muitas mulheres que se envolvem com indianos só para ver no que dá. Apenas por curiosidade ou carência afetiva. Mas depois que a pessoa acorda e vê que vida de novela é ficção e realidade é outra coisa, desiste de tudo como se estivesse apenas trocando de roupa. Isso não é certo. A nossa cultura é diferente, aqui as pessoas sempre dizem "vamos tentar" e  "ahh se não der certo separa" mas na Índia isso é mais complicado. 

Esses dias recebi um e-mail de um indiano que me deixou perplexa. Ele sem saber o que fazer ouviu da esposa brasileira "  a seguinte frase "não sei se eu te amo mais. Vamos ficar uns dias juntos, se não der certo, a gente separa". (Como assim? Quando a gente casa, a gente eapera que dê certo! Ninguem que casa espera passar por uma separaçao, e se aconteceu é porque foi a unica soluçao mas jamais deveria ser uma condiçao). A pessoa falou depois do casamento, depois que foi à Índia e viu que a vida de novela só existia na cabeça dela. Gente, isso é um absurdo!
Ele disse, "como vou largar tudo aqui, casa, emprego, família por uma pessoa que nem sabe se me ama? Como vou começar minha vida do zero, sem saber português, sem emprego e de repente ela me diz que não quer mais ficar comigo e diz nao me ama mais? O que faço?"

 Por isso muitos não acreditam em casamento por amor e por isso muitas famílias desaprovam a união quando envolve um estrangeiro porque eles sabem que cabeça de ocidental é diferente, mais cedo ou mais tarde a pessoa vai te dizer " cansei, não te quero, não te amo mais". Isso é verdade, ou não é? . Nao estou falando de pessoas que viveram juntas e infelizmente nao deu certo por  fortes razoes, casos de violência domestica, ou incompatibilidade, por exemplo.
Me refiro àquelas que tratam o casamento como "ficar", enche o saco do rapaz para ele vir ao Brasil, ele vende tudo, junta uma grana  e depois deixa ele porque enjoou, viu que nao gostava da comida e nunca viveria na India.  Mas nos sabemos a verdade por trás disso: a pessoa só acordou quando viu que casamento com estrangeiro nao é conto de fadas mas aí já era tarde pois tem gente que nunca viu o homem na vida, vai para o país dele e casa em uma semana. Ai você pensa que lá existe o casamento arranjado e as indianas casam assim na maioria das vezes, mas lembre-se de que num casamento arranjado até a quinta geração do rapaz é analisada, trabalho, salário, casta, hora do nascimento etc. É bem diferente.

Nós estamos acostumadas a ver as mulheres sempre como vítimas, mas se houvesse um pouco de discernimento muitas frustrações seriam poupadas.


Eu sempre falo se você pensa em deixar o Brasil para se casar vá como turista primeiro, conheça bem o país e a família porque o choque cultural pode ser muito grande.


Beijos!! 













8 comentários:

  1. Olá tudo bem? Sempre leio seus posts e gosto muito, mas acho que é a primeira vez que estou participando!
    Adorei o que você falou sobre esquecer tudo o que viu na novela, a mesma coisa acontece com algumas mulheres que se relacionam com árabe. É muito triste isso, brincar com os sentimentos das pessoas! Casamento é algo tão bonito, duas pessoas que acordam em dividir os mesmos sonhos, caminhar na mesma direção.., Sou brasileira e acho muito complicado como o casamento, às vezes, é tão banalizado!

    Beijos,
    Abençoado domingo!

    Aminah Luiza

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aminah, que bom te ver por aqui! Pois é..tudo seria mais bonito se o casal tivesse interesses em comum, infelizmente nao é assim e muita gente sai machucada..
      Beijos e abençoado domingo para voce tambem!!

      Excluir
  2. Oi, Star! Quanto tempo! =)

    Difícil isso, né? Mas a tempos venho reparando num detalhe bastante relevante nessas situações, o grau de instrução dessas pessoas. É triste dizer isso, mas as pessoas mais instruídas, seja por educação formal ou outros meios, jamais se iludem com uma realidade que só existe na ficção, em novelas, elas se preparam adequadamente e só dão o passo decisivo em direção ao casamento quando estão seguras da situação. Mas infelizmente a maioria se deixa levar pela ilusão, especialmente aquelas que têm um conhecimento de mundo e culturas mais limitado. São justamente essas que geralmente mais caem em armadilhas e golpes, e que também se arrependem depois por não darem conta de uma realidade tão distinta e que em nada se assemelha às tramas globais. É lamentável, mas é um fato cada vez mais corriqueiro.

    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas


    1. Concordo com voce por que uma coisa me chamou atençao: o nivel do ingles desse indiano é muito bom, polido e fluente enquanto a moça parece nao ser muito instruida tanto profissionalmente quanto culturalmente, daí o choque e a decepçao de que nem todo gringo é rico.

      Acredito que as novelas tenham esse público como alvo, é uma realidade triste.

      Bjs!!

      Excluir
  3. Eu já percebi que vc ("dona" do blog) é uma pessoa muito muito delicada ,eu talvez não seja assim,sou mais direta e digo o que penso sem tantos rodeios.
    Vamos lá: eu tenho visto muitos,muitos casos de indianos que se envolvem com brasileiras,até mesmo se casando,pra conseguir visto de residência permanente no Brasil,e depois deixam a brasileira a ver navios...Então não é bem verdade que todo indiano é sério em ralacão ao casamento e de que nunca são levianos.Tem muito indiano que não vale nada( eu já conheci muitos) e muita brasileira que também não vale nada .
    Essa moca deve ser uma pessoa superficial pra casar sem conhecer o país dele antes,e basta colocar os pés lá pra saber que não é um conto de fadas,ao contrário.
    Eu fui várias vezes à Índia(infelizmente,por minha vontade nunca teria ido nem a segunda vez),eu não gostei e estou sendo educada.Vc é muito delicada pra eu dizer o que realmente penso da Índia.Claro,existem lugares belíssimos,tem história,etc,mas é um país muito pobre,atrasado,e sujo,imundo,meu Deus,nunca vi tanto rato e tanta barata,até em Hotel 5 estrelas.Também em lugar nenhum nunca tentaram me roubar tanto,não assalto ,mas falo de trapacear,enganar em pequenas coisas.Me senti um ET( sou ultra discreta pra me vestir ) .Enfim,basta ir lá pra ver que a vida na Índia pode ser tudo menos fácil.
    Existem ricos sim,claro,milionários,mas esses não vão estar na internet procurando esposas ocidentais,nem vão se casar assim,sem conhecer direito a moca.
    Sem juízo ele e sem juízo ela,irresponsáveis os dois,indianos não são pobres coitadinhos cujos coracões são despadacados por brasileiras.
    Desculpe se ofendi vc,não fiz por mal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. corcordo MUITO com esse comentário. Meu marido é indiano (uma mente pensante que saiu da india porque não gostava da vida lá) e o que a gente sabe de caso de indiano namorar uma ocidental por anos a fio (sem contar pra família), prometendo casamento e o escambau e depois larga tudo para casar com uma indiana da casta escolhida por papai e mamãe não está no gibi... fora que esses casamentos arranjados são tudo para inglês ver: não existe amor, a mulher é uma escrava doméstica/encubadora de meninOs/saco de pancadas e o cara vive saindo com prostitutas... casamento sagrado... sei...

      eu que não ponho os pés lá.. meus sogros não gostam de mim, desrespeitam meu casamento e ainda oferecem moças para meu marido escolher... é pq meu marido é uma pessoa maravilhosa e de mente mais aberta que muito brasileiro, pq se fosse outro eu já tinha girado a catraca...

      pensando bem, até entendo a moça que estava em dúvida...

      Excluir
    2. Ola!! Uma coisa voce acertou, sou delicada para falar, pois as pessoas dizem isso sobre mim, acho que seja verdade porque a verdade pode ser dita sem machucar.
      Ha muito tempo venho falando sobre isso que voce citou e milhares de blogs colocam os indianos como viloes, eu mesma estava fazendo isso sem perceber e nao é a pura verdade, afinal eu tambem me casei com uma pessoa de bem entao como posso generalizar?
      Dessa vez escrevi a favor das pessoas de bem que tambem amam e nao pensam em se casar por interesse. Muita brasileira se casa com estrangeiro e depois larga para consrguir o visto, mas com indiano a historia muda, pois a India nao é Europa e tem mulher desavisada que pensa que vai andar de cavalo branco cheia de ouro, e nós sabemos que nao é assim. Entao a pessoa deve conhecer o país e a cultuta antes de se envolver. Infelizmente isso acontece com uma parte de pessoas simples que a unica fonte de informaçao é a televisao.
      Concordo com você, por isso é Incredible India rs!
      Abraços

      Excluir
    3. Mas então... Não conheço nenhum indiano que goste de viver na India, existem mas são poucos, nós mesmos nao moramos na India e a minha familia indiana tambem nao vive lá, mas nao posso falar nada porque nao sabemos o dia de amanha e nem os planos de Deus.

      Quanto ao namoro com indiano, muita gente cansou de falar que indiano nao namora por anos, isso é muito raro, tem muita gente que alerta sobre isso "indiano nao namora, indiano casa". Até um blog polemico há muitos anos na rede já alertava sobre isso. Quando a gente se envolve com outra cultura precisa ter muita cautela. Esta cheio de europeu e arabe que faz a mesma coisa, a diferença é que o europeu nunca mais volta e o arabe até volta, mas volta com a esposa que a familia escolheu.
      A pessoa nao pode fantasiar e dessa vez eu quis mostrar o outro lado da moeda.
      Quanto às familias, cada caso é um caso mas imagino como isso machuca.
      Abraços

      Excluir